Lei do couro: mês de agosto com grandes resultados

10 Views

banner

O mês de agosto foi de intensa atividade da equipe do CICB em defesa da Lei do Couro. Em todo Brasil, foram visitadas lojas em shoppings, feiras e no comércio de rua de grandes cidades. A campanha também ganhou as atenções durante o 3º Fórum CICB de Sustentabilidade, com um estande exclusivo para a campanha.

highlight_numeros_agosto

Destaques das ações de agosto

- Com conteúdo sobre as maiores e mais luxuosas marcas de design de interiores, a revista da Associação Brasileira das Indústrias de Móveis de Alta Decoração (Abimad) destacou em sua mais recente edição as disposições da Lei do Couro e o trabalho do CICB em quatro páfginas para sensibilizar a indústria e os consumidores sobre esta legislação. O conteúdo pode ser lido a partir da página 34, clicando aqui.

- Com unidades em 45 municípios do Rio Grande do Sul, a rede de lojas de varejo de moda Paludo utilizou a palavra “couro” de forma errônea em uma de suas campanhas de comunicação. Informado sobre o que determina a lei 4.888/65, o setor de marketing da empresa comprometeu-se com a adequação dos conteúdos.

- A equipe do CICB reuniu-se com a gerência de uma das lojas Tok & Stok de Belo Horizonte. A rede – que já fora alvo de fiscalizações sobre a Lei do Couro em 2014 – destacou através de sua gerente que a lei é amplamente discutida em reuniões internas.

- Também em Belo Horizonte, o CICB visitou a loja de vestuário TNG, que se adequou às disposições da Lei do Couro. O mesmo ocorreu na loja Barred’s. Na loja Zak, foi informado à equipe do CICB que a marca trabalha apenas com couro.

- No shopping Del Rey, em BH: redes de lojas como C&A, Renner e Marisa apresentaram comunicações corretas, tanto em bolsas e calçados.

- Em Ribeirão Preto, foram visitados shopping centers e todos estavam com a identificação correta.

- A equipe da Delegacia de Defesa ao Consumidor (DEIC) estendeu ações para a cidade de Novo Hamburgo (RS). Na ocasião a revenda de automóveis Savarauto teve folders da nova Mercedes Classe C 180 Avantgard e Classe C 180 Exclusive apreendidos, pois continham a expressão “couro sintético”.

highlight_numeros_2014